pesquisar   

Sábado, 8 de Novembro de 2008
Carta - último episódio

Obrigada, Li, pelo lembrete...

 

Depois da crise que acompanhou o início da minha carta de condução, tenho a anunciar que, mais uma vez, tudo foi infundado. Fui bem sucedidade e rapidamente obtive o documento que me permite representar o perigo nas estradas desse mundo (ou Europa...). Código e condução à primeira.

Obrigado a quem dita a sorte. Obrigado aos professores "auxiliares".

Perdoem-me aqueles que acompanharam a minha dor e medo iniciais. Eu confesso que às vezes exagero no drama. Shame on me.

 

 

 

Quanto à carta propriamente dita, e antes de usufruir do significado de "ter a carta de condução", tenho a dizer que parece representar uma espécie de libertação e alívio. Acho que foi assim que a primeira mulher a deixar de usar espartilho se sentiu.



publicado por Undómiel às 00:55
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Comentários:
De Li a 8 de Novembro de 2008 às 12:06
ahahahahh!

:)


De joão a 8 de Novembro de 2008 às 22:40
aposto que depois de deixar o espartilho, essa mulher descalçou os pés de chumbo e arrancou em primeira ;)


De Renata a 15 de Novembro de 2008 às 13:07
Parabéns, Sra Condutora! E agora espero uma boleia quando aí for eheh Fico contente por teres conseguido logo, mas acho que ninguém tinha dúvidas de que serias capaz (a não ser tu :P) *


De Undómiel a 18 de Novembro de 2008 às 01:33
Obrigada a todos. =)


De Renata a 19 de Novembro de 2008 às 23:12
Não agradeças, nós só queremos é boleia...


Comentar post