pesquisar   

Quarta-feira, 13 de Julho de 2011
Os meus hábitos de viagem...

... começam a tornar-se estranhos. Na verdade, não é bem aos hábitos de viagem que me refiro, mas aos padrões que definem e caracterizam as minhas viagens, que começam a transformar-se em hábitos. Hábitos esses que eu gostava de não ter. Falo, nomeadamente, do meu mais recente hábito de perder alguma coisa de cada vez que viajo. Apercebi-me deste padrão na minha última viagem, até à Finlândia.
No espaço de um ano já perdi a carteira e o guarda-chuva em Veneza, a tampa da lente da máquina fotográfica em Dusseldorf, e o lenço/echarpe/manta de piquenique em Helsínquia. O bright side deste padrão é que a tendência parece ser a perder coisas cada vez menos valiosas. Pode ser que, da próxima vez, o valor perdido seja 0 e se traduza em não perder nada. 



publicado por Undómiel às 00:46
link do post | comentar | adicionar aos favoritos