pesquisar   

Segunda-feira, 16 de Novembro de 2009
Julie, Julia and me

 Diziam que Julie and Julia and o "feel good movie of the year". Eu senti-o mais como o "feel like a cliché movie of the year". Isto porque me fez sentir um cliché.

 

A vinda para Salamanca e o estágio, o início da vida de trabalhadora tiveram uma série de consequências e mudaram, obviamente, o meu modo de vida.

Começar a trabalhar é saber onde vou estar e o que vou fazer durante 8 horas do meu dia, fora horas para higiene e refeições e, portanto, ter muito tempo livre e chegar a casa cansada. Pra já, está a parecer-me um modo de vida muito entediante e pouco entusiasmante. Tive, portanto, de encontrar uma escapatória entusiasmante/anti-stress para "colorir" a minah vida. Há quem entre para o ginásio (que deveria ter sido a minha escolha), há quem arranje namorado/a, etc. Eu descobri o poder terapêutico da culinária. Efectivamente, qual dona de casa não-muito-desesperada, tenho prazer em cozinhar e faço-o também porque me relaxa.

Afinal, sou um cliché e fiquei com vontade de fazer a versão portuguesa daquele Julie/Julia Project mas com recurso a um livro de culinária português, algo tipo Maria de Lourdes Modesto... Dúvido é que tenha paciência para tanto. Cozinhar é relaxante, escrever ainda não tanto... Mas quem sabe...  



publicado por Undómiel às 22:58
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Comentários:
De Ana Silva a 2 de Dezembro de 2009 às 09:59
Olá

Também vi esse filme e achei alguma graça, mas acho que eu não conseguia fazer essa tal "versão portuguesa" por motivos de paciência também. A paciência é tão pouca que nem cheguei a ter vontade de pensar nisso. Mas isso sou eu.

Beijinho


Comentar post